França

Albergues em Paris: Oops! e Young and Happy

França | 21/11/14 | Atualizado em 03/01/18 | 4 comentários

Finalmente posso responder a uma pergunta recorrente por aqui: “você indica algum albergue em Paris?” \o/ Nas minhas três primeiras visitas à Cidade Luz (adoro esses apelidos bregas), fiquei na casa de amigos ou aluguei apê. Mas, porém, contudo, todavia… Nem sempre a gente tem com quem dividir o apê, né? Mês passado, passei 24h lá por causa de uma mudança no voo e a princípio ia estar sozinha, então tive que procurar albergues em Paris.

Depois de umas duas horas de pesquisa, achei uma opção com custo-benefício legal: o Oops! Hostel. Depois, um amigo resolveu ir também e não tinha mais vaga no Oops, daí indiquei pra ele minha segunda opção: o Young and Happy. E é claro que fui também lá no dele conferir a estrutura, né? ;) Ah, sim: ambos ficam no/pertíssimo do Quartier Latin, uma das áreas mais legais da cidade. Senta que lá vêm os prós e contras:

Oops! Hostel

Prós: O hostel é moderninho, com uma estética bem diferente do Young and Happy (as fotos falam por si). A localização é boa: não tem nada muito legal beeem pertinho dele, mas dá pra ir andando de boa (uns 15 min) pra Rue Mouffetard, onde fica o Young and Happy. Tem também duas estações de metrô (Place d’Italie e Les Gobelins) a 350 metros, uma parada de ônibus bem na frente e fica numa avenida que me pareceu bem segura. O staff não foi megafofo, mas simpático o suficiente. O café da manhã é grátis (mas acordei depois da hora) e tem cozinha compartilhada (pequena). Tem banheiro em todos os quartos, o chuveiro é bom e a cama é meio barulhenta, mas confortável. Tem vários computadores pra uso gratuito na recepção, e o wi-fi pegou direitinho até no meu quarto no sexto andar. Tem elevador :)

Contras: No meu quarto (misto pra 4 pessoas) só tinha uma tomada e não tinha luz de leitura individual. O banheiro é um pouco pequeno e não consegui tomar banho sem molhar tudo :P Só tem lockers fora dos quartos, nos corredores, e apenas do primeiro ao quarto andar (fiquei no sexto e tinha que descer pra guardar/pegar o computador).

Roteiro de 7 dias em Paris e arredores: guia completo em formato digital

~IMG_3083

~IMG_3075

~IMG_3065

Young and Happy

Prós: A localização é, disparado, o ponto mais forte desse albergue. Ele fica na Rue Mouffetard, tradicionalíssima, a poucos minutos de atrações como o Pantheón, a Sorbonne e a Catedral de Notre-Dame. Fica também a dois minutinhos de vários barzinhos legais, com destaque pra Place Contrescarpe, popular entre estudantes. Também tem na mesma rua um mercado diário com frutas e outras delicinhas, padarias gostosas etc e tal. Ah, e coladinho com o hostel tem um mini mercado, onde dá pra comprar aquelas comidinhas espertas pra economizar ;) Outro ponto a favor é o staff simpático – que até me ofereceu croissant mesmo sem ser hóspede hehe – e a atmosfera acolhedora :) A estética é meio alterna/sujinha, mas acho um charme. Pra completar, tem estante com livros, barzinho com cerveja por preços ok e mesa de totó (que em francês é “baby foot”, o que não vem ao caso, mas eu precisava comentar porque acho o máximo) ^^Ah, e o café da manhã é gratuito.

Contras: O wi-fi só pega na recepção e o sinal não é bom. O chuveiro é daqueles que tem que apertar a cada instante e o que meu amigo usou tava dando choque. Não tem elevador e a escada é estreitinha, como na maioria dos prédios dessa região da cidade, então é meio chato subir com mala grande/pesada. Tem lockers com código, mas não ficam no quarto. Obs: não tenho mais detalhes sobre os quartos por motivos de “não dormi lá”, mas meu amigo só reclamou da história do chuveiro mesmo.

~IMG_3115

collage_hostel

~IMG_2968

~IMG_3130

Moral da história:

Se você quer ficar mega pertinho da badalação do Quartier Latin e não se importa em subir escadas, ter internet meio complicada e tals, o Young and Happy é uma boa. Não achei nenhum outro tão bem localizado por esse preço (atualmente, 27 euros pelo quarto misto pra 6). Mas se você quer um pouco mais de conforto e estrutura e não se importa em ter que andar um pouco ou pegar metrô, a pedida é o Oops! :) Numa próxima vez, repetiria ele mesmo, ainda que seja mais caro (32 euros/noite no quarto feminino ou misto pra 4 ou pra 6 – preços atuais).

E você, conhece e recomenda outros albergues em Paris? Dá a dica aí nos comentários!

Posts Relacionados

4 Comentários

  1. Legal o post! Acho que não vou viajar tão cedo, mas ficou anotando as dicas hehe beijo

    • Luísa Ferreira

      Que bom que você gostou, Thyeme :) Anota mesmo! ^^ Um abraço.

  2. rafael

    ola, td blza?
    nesses lockers o espaço é suficiente p guardar uma malona? existem quartos não compartilhados?
    valeu!!

    • Luísa Ferreira

      Oi, Rafael! É não… Nos lockers só cabe mochila, computador e tal. A mala você tem que deixar no quarto mesmo. Existem quartos privativos sim, dá uma olhada nos sites dos albergues ou no Hostelworld (links no post) pra ver os preços e disponibilidade :) Um abraço.

Deixe o seu comentário