São Paulo

Visitando a nova exposição do Castelo Rá-Tim-Bum em São Paulo

São Paulo | 12/04/17 | Atualizado em 29/03/19 | Deixe um comentário

“Klift Kloft Still, a porta se abriu!” – pra um universo de lembranças de infância. Se você, assim como eu, lamentou profundamente não ter conseguido visitar a exposição sobre o Castelo Rá-Tim-Bum promovida no Museu da Imagem e do Som (MIS), em São Paulo, entre 2014 e 2015 (ou se você gostou tanto que ficou querendo mais), pode comemorar.

É que uma nova mostra baseada no programa foi inaugurada recentemente no Memorial da América Latina, também na capital paulista, trazendo vários elementos da versão anterior e algumas novidades. A convite do Memorial e do Vem Pra Sampa, Meu, eu fui – ansiosamente – conferir.

castelo2

Antes de continuar, um disclaimer: como muitos da minha geração, tive a infância marcada pelo Castelo Rá-Tim-Bum, que teve 90 episódios produzidos e exibidos pela TV Cultura de 1994 a 1997 (dá pra assistir tudo no Youtube). Era uma relação de amor, no nível de assistir aos episódios milhões de vezes, colecionar os livros e cantar as músicas do ratinho sempre que ia lavar as mãos ou tomar banho.

Mas não é só questão de memória afetiva: continuo achando esse o melhor programa infantil de todos os tempos, por conseguir ser encantador e divertido sem subestimar a inteligência dos pequenos.

É fácil imaginar, então, minha emoção ao entrar pelas portas do Castelo e rever todos aqueles cenários que fizeram a alegria das minhas tardes pós-escola junto com muito biscoito recheado, né? Meu julgamento é um pouco tendencioso, mas acho difícil algum adulto que também curtia a série ou uma criança curiosa não gostarem do passeio, que já começa com uma novidade boa: a fachada do castelo foi reconstruída ao lado do galpão de 700m² que recebe a mostra. Olha os blogueirinhos posando com ela. :)

castelo-vem-pra-sampa

Crédito da foto acima: Alessandra Fratus/Vem pra Sampa, meu!

Depois de ser recepcionado pelo Porteiro e entrar, você encontra uma maquete do castelo original, que foi baseado no estilo de Gaudí, responsável pela Sagrada Família e outros prédios incríveis em Barcelona. E encontra também, em 22 ambientes, a reprodução de várias partes do seu interior, como a cozinha, a biblioteca, o quarto de Nino, o quarto de Morgana e a sala com aquela árvore linda que abriga a serpente Celeste. Fiquei #chateada porque não tava dando pra girar o sofá que leva ao quarto de Nino (supostamente pela quantidade de gente), mas ok, vida que segue. :P

castelo19

castelo11

castelo14

Aos poucos, vamos reencontrando os personagens principais – Nino, Zeca, Biba, Pedro, Morgana e Dr. Victor – e outros habitantes ilustres, como o monstro roxo Mau, o Gato da biblioteca, as botas Tap e Flap, o Ratinho e as fadas Lana e Lara.

Tudo isso através de croquis dos figurinos, fotos, bonecos, outros itens do acervo original e até as roupas usadas pelos atores. E a exposição também dá espaço pra vários personagens que não moravam no castelo, como Etevaldo, o entregador de pizzas Bongô, a repórter Penélope e o Dr. Abobrinha.

castelo7v2

castelo8

castelo13

castelo4v2

Pra quem precisa refrescar a memória é só assistir aos trechos dos episódios que são exibidos durante o passeio e dar uma lida nas matérias de jornal, roteiros e textinhos com curiosidades sobre o programa, ou ainda assistir aos vídeos com depoimentos dos atores.

Não consegui ver esses últimos porque a fila pra sentar num dos pufes e usar os fones tava grande, mas aproveitei pra ver a recepção positiva do Castelo na imprensa da época e rir com algumas cartas de fãs enviadas à produção e expostas por lá também (obviamente fiquei com inveja porque queria ser uma daquelas crianças, já que não trabalho com maturidade).

Procurando hospedagem em São Paulo? Veja as melhores opções de hotéis, albergues e pousadas e faça sua reserva sem custos.

castelo5

castelo9v2

castelo10v2

castelo12v2

Além dos vídeos, o percurso conta com alguns elementos interativos, como gavetinhas de cozinha que guardam fotos dos bastidores, e é possível interagir com algumas partes do cenário, como os ovos gigantes onde ficavam as duas passarinhas. Infelizmente, achei difícil aproveitar muitos desses recursos por causa da quantidade de gente, que formava grandes filas pra tirar foto com cada pedacinho da exposição. :/

castelo16

castelo15

Idealizada pelo Memorial da América Latina em parceria com a TV Cultura e a Caselúdico, a mostra vai ficar aberta ao público por três meses a partir da sua inauguração, em 31 de março de 2017 (mas é bem capaz de ser prorrogada, assim como a do MIS). Atualização em 06/06/17: a expo foi prorrogada até 30 de setembro!

Infelizmente não posso falar das diferenças entre as duas expos, mas a querida Talita do blog Me Deixa ser Turista fez essa comparação, que você pode ler aqui.

Ah, e se der aquela fominha não se preocupe: do lado de fora do Memorial tem vários quiosques/contêineres com comidinhas variadas, como esses que aparecem na foto abaixo.

castelo17

E você, já foi lá? O que achou? Conta aí nos comentários!

Serviço

Endereço: Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664
Funcionamento: de terça a sexta-feira, das 9h às 20h | sábados, domingos e feriados, das 9h às 22h
Ingressos: R$ 20 (meia-entrada, R$ 10,00) na bilheteria ou pelo site www.ratimbumocastelo.com.br
Como chegar: o espaço tem estacionamento, mas é superfácil ir de ônibus e principalmente de metrô, já que a estação Barra Funda fica coladinha no Memorial

Contrate seu seguro viagem com desconto na Mondial Assistance
Pesquise e reserve hotéis com os melhores preços no Booking
Alugue um carro nas melhores locadoras com a Rentcars e pague em até 12x
Procure a casa de câmbio com a melhor cotação da sua cidade 

Quando você usa esses links, o blog ganha uma pequena comissão pra se manter vivo e você não paga nada a mais por isso. <3 Saiba mais sobre as políticas de monetização do Janelas Abertas clicando aqui.

Pra conferir muito mais conteúdo sobre viagens todos os dias, siga o Janelas Abertas no Facebook, no Instagram e no Youtube. Espero você lá! :)

Posts Relacionados

0 Comentários

Deixe o seu comentário