Pernambuco

Albergue no Recife: Arrecifes Hostel

Pernambuco | 28/07/14 | Atualizado em 09/02/18 | Deixe um comentário

Atualização em junho de 2017: infelizmente o Arrecifes Hostel fechou. Veja outras opções de hospedagem no Recife e em Olinda.

Antes da Copa do Mundo, algumas pessoas me pediram indicação de albergue no Recife. Não sei se isso já aconteceu com você que me lê: vez ou outra, as pessoas pedem dica de hospedagem pra um morador da cidade, que normalmente não conhece as opções simplesmente porque nunca precisou usá-las, né :P O que costumo fazer, então, é passar os nomes dos que já ouvi falar: Albergue de Olinda e Albergue Sítio do Carmo, na nossa cidade vizinha Olinda, e Hostel Boa Viagem, Piratas da Praia (que parece massa) e Arrecifes Hostel, no Recife.

Leia também:

Guia completo sobre Pernambuco

Se hospedar em Olinda é interessante; a Cidade Alta é uma delícia e tem uma atmosfera bem legal. No caso dos dois albergues que mencionei, você fica perto do Centro Histórico da cidade, mas não muito longe do Centro do Recife. Pra quem quer ficar perto da praia e da badalação recifense, o bairro de Boa Viagem, na Zona Sul, é uma boa (apesar de eu, Zona Norte desde pequenininha, considerar essa região quase outra cidade, é onde ficam quase todos os hotéis e onde os turistas costumam se concentrar).

~IMG_1332

Não conheço a estrutura de nenhum dos albergues exceto o Arrecifes Hostel,  que é vinculado à Hostelling International. Nunca me hospedei lá, mas visitei o lugar durante o Blog Day Recife, encontro de blogueiros que rolou por lá recentemente (e foi massa, btw). Apesar de não poder opinar sobre aspectos como conforto, limpeza e serviço sob o ponto de vista de um hóspede, achei que valia a pena mostrar aqui o que pude perceber sobre o albergue e o staff ;)

Veja mais opções de hospedagem no Recife
Veja mais opções de hospedagem em Olinda

arrecifes_montagem

Nos dois dias em que fui lá, o pessoal da recepção foi extremamente simpático. Se forem assim com quem hospedam também, tão de parabéns. São dois quartos de casal e os outros coletivos, com capacidade pra 4, 6 ou 8 pessoas e divididos em feminino e masculino. Os quartos coletivos que visitei têm um tamanho ok (podiam ser maiores, mas não são minúsculos), beliches ok, janelas grandes e um gavetão de madeira pra você guardar a mala ou trecos de valor – mas lembre-se de trazer cadeado pra fechar o locker.

~IMG_1348  ~IMG_1352

Tem também uma área de “estar” com TV, cozinha coletiva, um computador pra uso dos hóspedes, mesa de sinuca, piscina, sofá, venda de bebidas e lanches pra aquela fominha fora de hora e café da manhã incluído na diária. Ah, e wi-fi, aluguel de toalhas e aluguel de bicicletas ;) Na beira da praia tem ciclovia, então pegar uma magrela e dar um passeio é uma boa! Alguns quartos têm ventilador de teto e outros ar-condicionado. O banheiro coletivo (pelo menos o feminino, onde entrei) é razoável, mas achei que a parte dos chuveiros podia ser melhor: eles usam cortina em vez de porta e não tem muito espaço pra pendurar coisas e se trocar.

~IMG_1314

Achei o ambiente bem agradável, novinho, limpo e arejado. A estrutura é simples, mas confortável, e a decoração também não é nada de mais, mas bonitinha – com direito a chita, paredes coloridas e papéis com curiosidades sobre a cidade. Eles têm uma regra de não usar a piscina ou fazer barulho depois das 22h, então acho que deve ser ok pra dormir (pensei que talvez não fosse porque os quartos coletivos têm janelas que dão pra área da piscina, mas se a galera respeitar as regras isso não deve ser um problema).

~IMG_1323  ~IMG_1321

O único ponto meio negativo que percebi é a localização – nisso, o Piratas da Praia e o Hostel Boa Viagem se saem melhor. O Arrecifes fica a só 2 km do aeroporto, então o táxi dá baratinho e não é difícil ir de ônibus. Por outro lado, ele tá bem “pra dentro” de Boa Viagem, ou seja, não é super perto da praia (são 900 m). Também fica mais pra o sul da Zona Sul, o que o torna um pouco distante do Recife Antigo (uns 13 km), de Olinda (20 km) e principalmente da Zona Norte, onde também tem coisas que merecem a visita (Recife não é só praia!).

As ruas nos arredores não são bonitas e não oferecem muitos atrativos – é uma zona bem residencial e simples, então não espere bares legais a 5 minutos de caminhada, mas dá pra encontrar os serviços básicos, como padarias, restaurantes, farmácias etc. Resumindo: não é o lugar ideaaal, mas pelo que eu vi, passa longe de ser uma roubada ;) Se você ficar lá, me conta o que achou!

Quer receber conteúdo exclusivo e gratuito sobre viagens?

Inscreva-se na lista de e-mails do Janelas Abertas e receba um e-book de 60 páginas com dicas para viajar só + check-lists para sua viagem + dicas inéditas a cada 15 dias.

Posts Relacionados

0 Comentários

Deixe o seu comentário

Inscreva-se na newsletter do Janelas Abertas

Receba dicas e recursos de viagem de graça!

  • E-book de 60 páginas com dicas para viajar só
  • Check-list para viagens internacionais
  • Check-list para arrumar a mala
  • Newsletter quinzenal com conteúdo exclusivo

É só se inscrever na lista: