Dicas Práticas

Albergues: coisas úteis para levar e facilitar sua vida e a dos outros

Dicas Práticas | 31/03/14 | Atualizado em 15/05/18 | 2 comentários

Quando você vai acampar, leva um monte de tralha, né? Barraca, colchonete, lanterna, papel higiênico, repelente… Pois bem: a hospedagem em um albergue não é tão roots, é claro, mas também pede por alguns objetos específicos pra facilitar sua vida e a do pessoal que vai dividir o espaço com você. Eles não são absolutamente indispensáveis, mas são coisas simples e úteis pra você ficar mais tranquilo e confortável, além de evitar incomodar os coleguinhas de quarto.

Cadeado

Já falei aqui sobre a importância de ter um locker no quarto, ou seja, um armário seguro onde guardar suas coisas. Alguns têm espaço pra mala inteira, outros só pra os itens mais valiosos; alguns são modernos e fecham com o cartão-chave do quarto, outros são vintage e exigem o uso de um cadeado. Nesse último caso – que acredito ser o mais comum – tem uma pegadinha: dificilmente o hostel vai lhe oferecer o cadeado gratuitamente. Alguns vendem ou alugam um na recepção (por preços geralmente inflacionados), mas nem todos.

Por isso, melhor se garantir e viajar com o seu. Se possível, leve dois: um pra mala, que talvez tenha que ficar do lado de fora, e outro pra o locker. E se estiver muito preocupado, também vale levar um cadeado com cabo comprido, que serve pra prender a mala ao pé da cama. Tenho viajado com um tipo esse e já usei pra prender a mala no rack do trem quando não tava perto dela, por exemplo.

Procure e reserve a melhor hospedagem para sua viagem com cancelamento grátis
Vai para o exterior? Veja como contratar um bom seguro viagem com desconto

Chinelo

Se o banheiro for compartilhado, você sabe que vai dividi-lo com várias pessoas desconhecidas – e com níveis de higiene igualmente desconhecidos. Por isso, uma recomendação comum é tomar banho de chinelo. Pessoalmente, nem acredito tanto no poder do chinelo nesse sentido (quase sempre a água sobe um pouco e acho que os germes todos se espalham :P), mas nunca deixo de levar minhas Havaianas. Afinal, elas também são muito úteis pra andar pelo corredor até o banheiro.

Multiplicador de tomada

Infelizmente, tem uma coisa básica que não parece estar sempre presente nas mentes de quem constrói/reforma um imóvel pra usá-lo como albergue: o fato de que quanto mais pessoas dividem um quarto, mais tomadas serão necessárias. Num mundo de smartphones, tablets e gadgets mil, uma tomadinha simples torna-se um item mais valioso do que o último pão do café da manhã. Por isso, além de pensar no adaptador adequado ao país visitado, pense nos momentos em que precisará carregar seu celular e todas as tomadas estarão ocupadas e leve também um T ou benjamin. Assim, você também não precisa se preocupar por estar monopolizando as tomadas do quarto com seus eletrônicos, e seus companheiros ficarão felizes. \o/

Leia mais:

Albergues para iniciantes: tudo que você precisa saber
Albergues: vantagens e desvantagens
Albergues: coisas úteis para levar e facilitar sua vida e a dos outros
Albergues: dicas para escolher um que não seja uma roubada
Albergues: regras básicas de convivência

Toalha de microfibra

“O que o estrito vai pensar é que, se um sujeito é capaz de rodar por toda a Galáxia, acampar, pedir carona, lutar contra terríveis obstáculos, dar a volta por cima e ainda assim saber onde está sua toalha, esse sujeito claramente merece respeito” (ADAMS, Douglas, 1979). Todo nerd sabe que a toalha é um dos objetos mais úteis para um mochileiro interestelar. No caso dos mochileiros terrestres, no entanto, carregar uma toalha felpuda e gorducha pode ser um saco.

Primeiro porque todo espaço é precioso na bagagem de um viajante econômico, e já pensou quantas coisas cabem no lugar de uma toalha? Segundo porque esses úteis objetos têm como objetivo de vida ficar molhados, o que torna seu transporte ainda mais complicado (se esse post tivesse cheiros, você estaria sentindo agora aquele desagradável odor de coisa úmida guardada).

Por isso, minha vida mudou quando eu descobri a toalha de microfibra. Da primeira vez que a vi, na casa de uma amiga, nem entendi que se tratava de uma toalha. Depois, soube que era um acessório pensado pra esportistas (daí meu desconhecimento, visto que sou a pessoa menos esportista da Via Láctea) e fui correndo comprar uma. Elas não são tão “confortáveis” de usar quanto as tradicionais, mas ocupam muuuito menos espaço e secam super rápido. Comprei a minha na França, mas não é difícil de achar no Brasil, em lojas como a Decathlon – e costumam ser baratinhas, amém!

O produto que mudou minha vida viajante <3

O produto que mudou minha vida viajante <3

Máscara para dormir

Esse, pra mim, é um item superimportante em qualquer viagem – não precisa nem ser pra albergue. Fico sempre feliz quando consigo dormir no ônibus, carro, trem ou avião, especialmente durante uma viagem longa, e usar uma máscara pra dormir torna isso muito mais fácil. Como elas ocupam pouco espaço, deixo sempre na bolsa quando vou cair na estrada. No quarto compartilhado, a utilidade é óbvia: sempre pode existir aquele fulano sem noção que fica acendendo a luz à noite. Use sua máscara e adquira super poderes que lhe permitirão ignorar a luminosidade. ;)

 Meu amigo - que permanecerá anônimo - não tinha uma máscara para dormir ;)

Meu amigo – que permanecerá anônimo – não tinha uma máscara para dormir ;)

Protetor de ouvido ou fones

Pra quem tem sono leve, bloquear a luz não é suficiente. Por isso, vale a pena levar também protetores de ouvido, que ajudam a abafar os sons de conversas, gritos, roncos, risos e outros barulhos alheios. Os poucos protetores que já usei não me pareceram muito eficazes, mas sei que tem uns bonzões – tanto que uma amiga fica completamente surda enquanto usa os dela. Mas seja como for, tem outra coisa que pra mim os substitui muito bem: música. Muitas das minhas noites já foram salvas pelos fones de ouvido e musiquinha no celular (ou, até pouco tempo atrás, no iPod).

Luz de leitura individual

Se você tiver o hábito de ler antes de dormir, não dá pra confiar que os albergues tenham sempre uma luz individual. De todos os hostels onde me hospedei até hoje, menos da metade oferecia essa facilidade. Por isso, é interessante comprar uma daquelas luzinhas de leitura individuais e levar consigo. Você pode encontrá-las em aeroportos (nas lojas que vendem também travesseirinho de avião, cadeados, máscaras de olhos etc.) ou, por um preço mais decente, em lojas tipo MultiCoisas – e pela internet, é claro.

Não incomode os outros ao ler antes de dormir

Não incomode os outros ao ler antes de dormir

Sacolas de pano

Esse é, entre os itens dessa lista, o mais voltado pra os outros. É que na hora de fazer a mala, muita gente coloca várias coisas em sacolas: itens de higiene, roupas íntimas, roupas sujas, carregadores pra os gadgets etc. E essas sacolas costumam ser de plástico, né? Apesar desse ser o material mais recomendado pra armazenar líquidos, que podem vazar, muitas vezes as sacolas podem muito bem ser substituídas por modelos de pano, tipo aquelas que vêm com alguns sapatos ou são vendidas com esse fim específico mesmo.

Qual a vantagem disso? Simples: você não faz barulho enquanto as manuseia. E se você já tentou dormir enquanto alguém mexia na mala e quase enlouqueceu com o barulho constante de plástico, sabe do que eu tou falando.

Ecobag dobrável

Sempre levo uma ecobag dessas que ficam bem pequenininhas e ela já foi útil dezenas de vezes em viagens: pra guardar algo que tá sujo e não quero colocar na bolsa, pra quando o mercado não tem sacolas ou cobra por elas, pra ser ambientalmente correta e recusar sacolas plásticas e, em hostels, pra colocar minhas roupas na hora de ir tomar banho no banheiro compartilhado. Assim eu não preciso carregar várias coisas na mão, não corro o risco de derrubar uma calcinha no corredor e tenho a opção de pendurar tudo num gancho ou maçaneta, caso o banheiro não tenha uma bancada seca pra colocar as roupas. :)

Necessaire com gancho

Ainda na linha ~banheiro compartilhado~, um item menos importante, mas que acho muito prático é uma necessaire com ganchinho. Senti necessidade de ter uma dessas depois de ir pra muitos banheiros (em hostels e até em casas de amigos) onde não tinha espaço pra colocar minha bolsinha com itens de higiene. Com o gancho dá pra pendurar em qualquer lugar, tipo o ferrinho de toalhas, e é bom porque fica tudo facilmente acessível. Mostrei a necessaire que uso nesse vídeo sobre o que levei no meu mochilão de dois meses pelo Brasil e nesse sobre meu mochilão pra quatro meses pela Europa.

E você? O que marca sempre presença na sua mala na hora de viajar e ficar num albergue? Conta aí nos comentários!

Contrate seu seguro viagem com desconto na Mondial Assistance
Pesquise e reserve hotéis com os melhores preços no Booking
Alugue um carro nas melhores locadoras com a Rentcars e pague em até 12x
Procure a casa de câmbio com a melhor cotação da sua cidade 

Quando você usa esses links, o blog ganha uma pequena comissão pra se manter vivo e você não paga nada a mais por isso. <3 Saiba mais sobre as políticas de monetização do Janelas Abertas clicando aqui.

Pra conferir muito mais conteúdo sobre viagens todos os dias, siga o Janelas Abertas no Facebook, no Instagram e no Youtube. Espero você lá! :)

Posts Relacionados

2 Comentários

  1. Ilka Souza

    Ótimas dicas, valeu!
    Boas viagens. .

Deixe o seu comentário